Cyber SecurityDicas

5 livros sobre cibersegurança para ler

Um dos melhores jeitos de aprender sobre qualquer assunto é pela leitura. Então, por que não mergulhar em livros sobre cibersegurança? Além de se inteirar sobre esse universo, você exercita a sua criatividade e capacidade de raciocínio, duas competências fundamentais para se destacar no mercado.

Pensando nesses benefícios, trouxemos 5 livros sobre o tema para expandir os seus horizontes. Senta que lá vem a história!

Guerra Cibernética: A próxima ameaça à segurança e o que fazer a respeito

Esse é um livro mais antigo, de 2010 e é muito tranquilo de ler. Mesmo que você ainda não tenha muitos conhecimentos em cibersegurança, conseguirá entender a mensagem que o autor quer passar. 

Além disso, a narrativa é incrível. Richard A. Clarke, ex-assessor e especialista em medidas de antiterrorismo no gabinete presidencial dos EUA, traz a sua perspectiva sobre o uso de armas cibernéticas para realizar ataques e defesas militares. A pergunta que fica é: qual é o limite entre um e o outro?

Perícia Forense Digital: Guia Prático com uso do Sistema Operacional Windows

Não tem experiência em perícia forense digital? Relaxa. Esse livro é apenas uma introdução sobre o assunto. Seu autor, Nihad Ahmad Hassan, ensina como coletar rastros de invasores em cibercrimes, entre outras técnicas voltadas para o ramo investigativo da cibersegurança. 

Para exercitar o seu lado detetive, recomendamos a leitura sobre o programa de Bug Bounty. Nele, os participantes recebem prêmios por encontrarem bugs e outros problemas de segurança nas redes e sistemas empresariais. 

Clique aqui para matar todo mundo: como sobreviver em um mundo hiperconectado

Escrito por Bruce Schneier, esse livro destaca os perigos que o domínio da Internet das Coisas pode trazer aos humanos. Calma, não é uma teoria da conspiração! E sim um alerta para as aberturas que essas tecnologias dão aos cibercriminosos.

O problema é que eles poderão invadi-las e controlá-las ao seu favor. Imagine hackear um carro ou o sistema de energia de um país? É por isso que o autor também fala sobre as medidas que pessoas, empresas e governos devem adotar para evitar que essas situações aconteçam.

Outro livro que aborda esse tema é o “Future Crimes: Tudo está conectado, todos somos vulneráveis e o que podemos fazer sobre isso”, do Marc Goodman. Você também pode assistir à Mr. Robot, série que conta a história de Elliot, um profissional de cyber security que recebe a proposta de atacar a empresa em que trabalha.

Trilogia do Pentest

Se você quer atuar ou migrar para a área de pentest, indicamos uma série de três livros escritos pelo brasileiro Daniel Moreno: “Introdução ao Pentest”, “Pentest em Redes Sem Fio” e “Pentest em Aplicações Web”.

São conteúdos bem didáticos e cheios de exemplos para você aprender, passo a passo, a realizar testes de penetração e a identificar vulnerabilidades, além de conhecer noções de programação.

A Arte de Enganar: Ataques de Hackers: Controlando o Fator Humano na Segurança da Informação

Não podíamos publicar um artigo sobre livros de cibersegurança sem citar a obra de um dos hackers mais procurados do mundo: Kevin D. Mitnick. O seu passado pode ter sido complicado, mas já faz anos que ele migrou para o lado bom da força.

Nesse romance, o profissional alerta que não existe um sistema de segurança que esteja 100% protegido perante um cibercriminoso determinado a atacar. Ele também detalha as suas invasões mais famosas e mostra o que poderia ter sido feito para evitá-las. Vale a leitura por ser um clássico.

Recomendamos também o “Ghost in the Wires: Minhas Aventuras como o Hacker Mais Procurado do Mundo” e “A arte da intrusão: as histórias reais por trás das explorações de hackers, invasores e enganadores”.

É muito legal perceber que, por trás da cibersegurança, existem verdadeiras aulas de história, além de muito suspense, drama e ação. Outro ponto que achamos super válido de destacar, é a possibilidade de aprender sobre o mesmo tema de diversas formas e perspectivas diferentes.

Você pode fazer cursos e estudar materiais técnicos, como também assistir filmes, ler romances e jogar videogames. Então aproveite todas essas oportunidades para explorar o universo da cibersegurança e absorver o máximo de conteúdo.

Ah! E fique à vontade para conferir outras matérias no nosso blog.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.